Blog

Quem não quer ter um Jardim colorido e cheio de vida? Além de todos os processos básicos e necessários para isso, também é importante nutrir o solo dessas flores e plantas. Pensando nisso, nesse material você vai entender como usar adubos e fertilizantes no seu Jardim. Continue a leitura e saiba mais!

            De fato o Outono é considerado a melhor estação para plantar novas mudas porque o clima está ameno, além de dar tempo suficiente para que as flores e plantas floresçam entre o final do Inverno e o início da Primavera. Para mais cuidados, de acordo com o atual clima, confira aqui.

            Contudo, como dissemos na abertura desse texto, o uso de adubos e fertilizantes também se fazem necessários. Isso porque o que permite um melhor desenvolvimento e florescimento das mudas é a correta aplicação dos nutrientes essenciais. Sem esse trabalho, pode ser possível que as flores nem desabrochem e as plantas não cresçam como precisam. E não queremos isso, né?

 

O USO DE ADUBOS

            A adubação é uma prática milenar que oferece nutrientes aos brotos. Atualmente existem muitas formas de adubação, com até fórmulas específicas para determinadas espécies, como para as orquídeas. Se você adubar bem o seu Jardim, ele crescerá de forma acelerada, com qualidade, e livre de pragas.

            Para usá-los, é importante que você preste atenção em:

  • Rótulos, verificando a composição;
  • Período em que a adubação deve acontecer.

Existem dois tipos de adubos para flores: os orgânicos e os inorgânicos. Os primeiros mencionados são extraídos de elementos naturais, como farinha de osso e esterco. Fáceis de conseguir, tendem a ser muito eficientes. Já os inorgânicos concentram propriedades fundamentais mais rapidamente, o que pode reverter situações de desnutrição, por exemplo.

Confira essas dicas em relação aos adubos orgânicos:

  • Não utilize estercos frescos, mal curtidos ou restos de alimentos e cascas diretamente no solo;
  • Deixe os elementos naturais curtirem por um tempo antes de utilizá-lo, suas respectivas fermentações naturais podem queimar ou apodrecer as raízes.

Da mesma forma, é bem interessante considerar os adubos inorgânicos porque um dos seus grandes benefícios é a concentração de nutrientes essenciais e de rápida absorção como Nitrogênio (N), Fósforo (P) e Potássio (K).

 

O USO DE FERTILIZANTES

            Fertilizantes são combinações de elementos importantes para as plantas, mas produzidos de forma sintética, e que igualmente tem o objetivo de desenvolver nutrientes para a terra das mudas do seu Jardim. Existem vários tipos de fertilizantes, como líquidos, concentrados, em pó solúvel, farelados e pastilhas.

            Independente do tipo de fertilizante utilizado, o processo deve acontecer na primeira fase pós-plantio, que é quando as plantas mais precisam se desenvolver. Mas atenção: não adube no período de dormência – aquele em que o crescimento estagna por questões mais extremas de clima, como frio ou seca.

  • Por isso, o Outono é a melhor época para investir no seu Jardim!
  • Mas cuide o dia e horário por causa da fertilização;
  • E preste atenção nas regas, pois auxiliam a regular os sais do fertilizante, o que evita uma desidratação da planta.

 

BÔNUS!

Depois de conferir todas essas dicas sobre como usar adubos e fertilizantes no seu Jardim e entender melhor sobre eles, atente-se para a quantidade que vai usar porque não quer dizer que quanto mais colocar, o desenvolvimento será mais acelerado e produtivo. As mudas têm uma capacidade limitada de absorção dos nutrientes, sendo que o excesso ficará no solo.

Encontre agora mesmo um de nossos revendores e conheça as nossas soluções para o seu ambiente. Nós concretizamos ele! Nosso WhatsApp é (51) 99965-0550 de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 17h30, e aos sábados, das 8h ao meio-dia.

Publicado em Blog

O outono chegou! Confira dicas para cuidar de seu Jardim aqui. Essa estação é bastante conhecida pelas mudanças bruscas do clima, os dias mais curtos e as folhas que amarelam e começam a cair. Além disso, o Outuno é necessário para preparar a natureza para o Inverno. Com tudo isso, seu Jardim precisa de atenção.

 

Continue a leitura e confira as nossas dicas!

 

Inicialmente você deve fazer uma limpeza do solo. Elimine ervas daninhas e insetos que atrasam o crescimento do seu Jardim. Dica: use um ancinho para facilitar o trabalho.

 

OUTRAS DICAS DE LIMPEZA

  • Remova galhos e folhas secas que estejam impedindo a chegada dos raios solares até as plantas. Os dias são mais curtos, como mencionamos, então a frequência da luz solar é menor;
  • Evite podar na limpeza as plantas que floram no Inverno e até mesmo no início da primavera. Esse desenvolvimento natural precisa acontecer e pode ser prejudicado. Especialistas alertam que não é recomendada a poda educativa – técnica feita para guiar o crescimento das folhagens.

 

Feito todo esse minucioso trabalho de limpeza do seu Jardim, aproveite o início do Outono para a adubação. Para isso, você pode aproveitar as folhas e os fungos para melhorar a estrutura da terra, a retenção da água e para estimular a atividade biológica do solo, criando um ambiente microbiano que auxilia na prevenção de pragas e doenças.

 

DÊ AINDA MAIS COR AO SEU JARDIM

            Agora que você fez a limpeza e a adubação, é hora de colorir ainda mais o seu Jardim com as flores do Outono. A estação é considerada a melhor para plantar novas mudas porque o clima não está tão frio nem calor. Além disso, dá tempo suficiente para que floresçam entre o final do Inverno e o início da Primavera. Veja o que indicamos:

  • Tulipas;
  • Camélias;
  • Margaridas; e
  • Flor de Maio.

 

Falando na Flor de Maio, ela é considerada um dos mais famosos cultivos do Outono. Planta da família das cactáceas, ela floresce somente uma vez no ano e é bem fácil de cuidar. Os cladódios articulados e as flores belíssimas com suas cores variadas chamam atenção. Embora da família das cactáceas, ela não apresenta espinhos.

            Um dos desafios para quem cultiva a Flor de Maio é a quantidade de água. A dica é maneirar nas regas, mas ainda sim ter uma frequência. Os pratos sob os vasos não podem ter acúmulo de água, se não as raízes podem apodrecer. Diferente do verão, no Outono temos uma temperatura e umidade mais amena. E atenção: a dica vale para outras flores!

 

CERCAS VIVAS: ALIADAS DO SEU JARDIM NO OUTUNO

            Por fim, a dica é investir em cercas vivas. Caso você tenha, não esqueça de realizar uma manutenção porque o começo do Outono marca a última poda até a Primavera. Podas no Inverno e no decorrer do Outono podem prejudicar o restabelecimento dos arbustos. Além de trazer ainda mais beleza ao seu ambiente, as cercas vivas servem como barreiras para impedir o vento direto nas plantas mais frágeis. Veja o que indicamos:

  • Eucaliptos;
  • Raízes Frutíferas (como banana, abacate ou manga); e
  • MuroFlor, em seus variados modelos, ou Muro Verde, devendo ser verificado com o fabricante o mais adequado entre eles para o seu ambiente.

 

 

Encontre agora mesmo um de nossos revendores e conheça as nossas soluções para o seu ambiente. Nós concretizamos ele! Nosso WhatsApp é (51) 99965-0550 de segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30 e das 13h às 17h30, e aos sábados, das 8h ao meio-dia.

Publicado em Blog
Quinta, 07 Janeiro 2021 16:12

10 FLORES PARA PLANTAR NO VERÃO

Com a chegada do verão, não restam dúvidas de que a estação é perfeita para trazer ainda mais vida ao seu Jardim. Nada melhor do que ter um recanto colorido para relaxar, tomar uma limonada e ler um bom livro, não é mesmo?!

            Dessa forma, para que o seu Jardim tenha as melhores composições, juntamente com uma boa adaptação das flores nessa estação tão intensa de calor e de luz, você precisa continuar a leitura desse texto e conhecer as 10 flores para plantar no verão.

            Não deixe de ler também e saber mais sobre como preparar o seu Jardim para o verão. Com certeza fará diferença no resultado final de sua Jardinagem!

 

  1. Cambarás

Chamam atenção pelos seus mini buquês de flores. São supercoloridas, mas exigem regas frequentes e devem ser cultivadas sob o sol forte. Devem ser mantidas fora do alcance de crianças e pets. Afinal, é uma planta tóxica. Utilize luvas ao manuseá-las.

 

  1. Gardênias

Possuem um aroma marcante e florescem durante a primavera e o verão. São indicadas para plantação em vasos e bonsais e não precisam de muitas manutenções. A poda das Gardênias deve ser realizada após a floração e apenas para higienização da planta mesmo.

 

  1. Flor de Cone

É um tipo de flor bastante específica, destacando-se por ser extremamente tolerante à seca e por ser de baixa manutenção. Apresentam grande variedade de cores, fazendo com que o seu Jardim fique ainda melhor e mais lindo.

 

  1. Vinca

Também pouco exigente e de baixa manutenção. Suas flores são simples e muito delicadas. Da mesma forma que a Flor de Cone, também apresenta dezenas de variedades – sejam de cores ou até mesmo de largura das pétalas. Para plantá-la, é necessário que o solo seja fértil e corretamente fertilizado, assim como regas regulares para que cresçam com toda a sua força.

 

  1. Dálias

Elas são fenomenais e fazem muito sucesso! Apresentam grande variedade de cores, dando ainda mais vida ao seu Jardim. São de porte médio, perenes e podem atingir até 1,50m na idade adulta. Adoram o clima quente e precisam de sol abundante para florir.

 

  1. Zínias

São da mesma família das Dálias e se destacam pelo comprimento do caule. As Zínias se adaptam muito bem nas altas temperaturas e colorem o Jardim de forma intensa. Também são elegantes e gostam de um solo rico em húmus.

 

  1. Hibisco

Ele tem inúmeros benefícios! Muito medicinal, com ação diurética e antioxidante, é muito cultivado e consumido em diversos países em forma de chá, geleias e doces.

 

  1. Petúnias

Fáceis de cultivar durante o verão porque exigem baixa manutenção. Contudo, deve se desenvolver em meia sobra para as folhas não queimarem. A base da Petúnia deve ser regada duas ou três vezes por semana, mas sem encharcar o solo.

 

  1. Margaridas

Encanta todos pela sua delicadeza e simplicidade. As Margaridas se adaptam facilmente em diferentes ambientes, desde que iluminados. As flores murchas devem ser retiradas rapidamente para que outras brotem. Então, fique sempre de olho.

 

  1. Girassóis

Plantas herbáceas anuais, ou seja, nascem, desenvolvem-se e morrem durante o período de um ano. Não é comum encontrá-las plantadas em vasos e Jardins. É uma planta fácil de cuidar e pode ser muito bem cultivada em sol forte. As regas precisam ser de dois em dois dias, conforme a umidade do solo.

            O que você achou da nossa lista de 10 flores para plantar no verão? Tem mais alguma sugestão? Conte para a gente!

Publicado em Blog
Quinta, 03 Dezembro 2020 09:19

Como preparar o seu Jardim para o verão

O verão chega em dezembro, no dia 21, e é a estação mais amada e esperada do ano. Portanto, tire o melhor dele e deixe o seu Jardim ainda mais charmoso. Atente-se para os cuidados listados nesse texto e saiba como preparar o seu Jardim para o verão. Boa leitura!

Embora um Jardim necessite de cuidados o ano todo e em todas as estações, no verão temos fatores que podem ser um desafio para esse trabalho, como:

  • Sol excessivo;
  • Umidade do ar;
  • Temperatura elevada.

Sendo assim, ao preparar o seu Jardim para o verão, você precisa mantê-lo sempre fresco e muito saudável, sem comprometer a beleza do ambiente.

 

Não é hora de fazer poda

            Uma das nossas dicas para preparar o seu Jardim para o verão é que as podas não devem ser feitas nesse momento. Isso porque as flores e as plantas despertam na primeira poda e começam a liberar novos brotos no verão. Por isso, remova apenas as folhas mortas e os galhos secos para mantê-las bonitas e bem cuidadas.

 

Cuidado com as pragas

            Depois de ter limpado o seu ambiente, observe se as pragas farão ou não uma visita em seu charmoso Jardim. Elas são as inimigas mais comuns das flores e plantas e tendem a se intensificar no verão. Fatores naturais podem fazer com que elas cresçam:

  • Circulação do ar;
  • Umidade;
  • Iluminação inadequada.

            Caso o seu Jardim apresente alguns desses problemas, você pode variar o local das plantas e das flores, os horários de exposição ao sol e a quantidade de regas. Vale ressaltar que para eliminar as pragas você deve optar por métodos mais naturais, sem agredir tanto a saúde do Jardim.

 

O crescimento e a adubação delas só dependem de você

            Falando em mudanças para evitar problemas, entramos em um ponto bem importante dos nossos conselhos: crescimento e adubação. No verão é muito necessário que você reserve um tempo para a adubação de seu Jardim. Isso porque elas metabolizam e absorvem os nutrientes do solo mais rapidamente. Além disso, é no verão que você deve remover a terra seca e fazer a troca do adubo. Não se esqueça ainda de garantir que elas tenham bastante água para que se adaptem com o calor excessivo do verão.

 

Portanto, regue muito

            Como mencionamos no fim da dica anterior, as plantas e as flores precisam de bastante água para que não sofram com o calor excessivo do verão. Nesse sentido, para preparar o seu Jardim para o verão, você deve ficar ligado na temperatura:

  • Se o ar está muito seco;
  • Quais as chances de chuva;
  • Melhores horários para levar as plantas para fora de casa; e etc.

Com tudo isso, ainda alertamos para o fato de que muita chuva pode encharcá-las, apodrecendo as raízes. Algumas espécies de plantas permitem irrigações mais espaçadas porque retém melhor a água e que, portanto, você deve estudar.

Não deixe de aproveitar esse amado período para plantar espécies da própria estação. O seu espaço ficará ainda mais belo e acolhedor para os momentos de relaxamento e descanso nos dias de sol. O que você achou das nossas dicas? Não deixe de aproveitá-las para colocar em ordem o seu Jardim, deixando-o bem colorido e cheio de vida.

Publicado em Blog

Quem é que não gostaria de cultivar as suas próprias hortaliças, chás e temperos no conforto de casa? Em busca de hábitos mais saudáveis, dia após dia, mais pessoas se propõem a cultivar o seu próprio alimento, livre de agrotóxicos e outros produtos indesejáveis. Em alguns casos, o cultivo é de flores e plantas, que também traz benefícios para a saúde do corpo e da mente, funcionando como uma terapia ocupacional. Mas não é só isso. Em épocas de convívio restrito e de mais tempo para cuidar de si e da casa em que vive, todos nós estamos mais preocupados e voltados a incorporar às nossas vidas hábitos saudáveis, renováveis e ecologicamente corretos, e melhor ainda: sem precisar depender de saídas externas à mercados e feiras por exemplo, onde acontecem alto fluxo e movimento de pessoas.

As hortas podem ser montadas e cultivadas em qualquer lugar, seja em casa ou apartamento. Quem cuida das suas próprias hortaliças, chás e temperos, tem ao alcance das mãos o resultado do seu esforço!! Como é prazeroso o sentimento de colher o que plantou! Plantar a própria hortaliça, temperos, flores, chás ou plantas, não é exclusividade de quem mora no interior ou dispõe de grandes espaços para plantio. Ter uma horta em casa é a melhor ideia pra mim e para você, e é muito fácil!  Se você quer garantir saúde e benefícios para a sua vida assim como aproveitar o tempo livre com atividades relaxantes, você vai amar ter a sua própria horta em casa!

Ainda não decidiu? Então nós vamos te ajudar! Confira abaixo os 5 motivos para você ter e cultivar uma horta orgânica em casa:

 

 

 

  1. A horta orgânica só traz benefícios para a sua saúde!

Quem faz feira e mercado sabe que os produtos que encontramos lá, principalmente frutas e verduras, estão carregadas de agrotóxicos, o que a longo prazo, pode nos trazer consequências nada felizes para o nosso corpo e bem-estar.

Com a horta orgânica, temos a possibilidade de plantar nossas próprias hortaliças e temperos, livres de agrotóxicos, toxinas e outros produtos que são nocivos para a nossa saúde.

 

  1. A horta orgânica produz hortaliças mais saborosas e nutritivas

Quando cultivamos os nossos próprios alimentos em terra boa, livre de agrotóxicos e outras toxinas, os alimentos (e temperos também!) crescem e conservam o seu sabor e consistência de forma natural, realçando o sabor e as propriedades nutritivas. Então se você quer um alimento mais nutritivo e saboroso, cultive-o você mesmo, longe de pesticidas e outros defensores agrícolas.  

 

  1. Quem planta em casa economiza

Quem faz mercado sabe que todos os alimentos estão sempre suscetíveis a altas de preços, muitas vezes chegando a valores excessivos. Mesmo com a inflação “controlada”, os alimentos sofrem com as mudanças climáticas e outras variáveis que afetam o preço. Ao plantar o próprio alimento, no conforto da sua casa, você está economizando.

 

  1. Sustentabilidade

Ter uma horta em casa é uma prática sustentável. Além de gerar menos lixo, o cultivo sem agrotóxicos não prejudica o solo. Plantar e observar as plantinhas crescerem irá fazer você perceber a natureza e como a vida age de forma natural. Com isso, também estará desenvolvendo a sua consciência ambiental, que é muito importante atualmente.

 

  1. Reaproveitamento de Resíduos Orgânicos

Você pode reaproveitar as sobras dos alimentos, erva-mate e outros resíduos orgânicos como adubo para a sua horta orgânica, promovendo permanentemente o melhoramento do solo!

 

 

Quer saber como é fácil ter a sua horta orgânica em casa ou no apartamento? A Betonart tem a sugestão ideal pra você! Além de permitir cultivar as suas próprias hortaliças, temperos, flores, chás e plantas em casa, você decora o ambiente com versatilidade e bom gosto!

Conheça o MuroFlor Garten da Betonart, que foi desenvolvido para adaptar-se a pequenos espaços como varandas e sacadas, serve também para revestimento de muros já existentes. A instalação é fácil e rápida, e o Garten é ideal para plantio de flores, chás e temperos, formando o "muro horta".

 

 

Para saber mais, acesse o produto no nosso site através do link abaixo:

http://www.betonart.com.br/muroflor-garten

 

Chama no Whats e peça mais informações agora mesmo!
51 3639-1414 / 51 99965-0550 (também WhatsApp).
Orçamento sem compromisso.

Showroom e Lojas no RS e SC.
Também temos equipe de instalação.
Chega de manutenção, produto bonito, durável e é de concreto!

 

 

 

 

Publicado em Blog
Nossos Produtos
Image

Cobogós de Concreto®

Image
Image

Deck de Concreto®

Image
Image

Pergolados de Concreto®

Image
Image

MuroFlor e Cercas®

Image
Image

Pisantes®

Image
Image

Pisos Intertravados®

Image
Image

Mobiliário Urbano®

Image
Image

Meio Fio e Bate Rodas®

Image
Image
  São Vendelino-RS
  vendas@betonart.com.br 
  (51) 3639-1414
  (51) 99965-0550
REDES SOCIAIS

Copyright ©. Todos os direitos reservados a Betonart - Concretizamos Ambientes de Vida. Desenvolvido por
       

-

Olá,

Estamos aqui para te ajudar

Mande uma mensagem

Tire suas dúvidas sobre qualquer assunto. Retorno em até 1 dia

Whatsapp: (51) 99965-0550

Seg. a Sex.: 08:00 às 11:30 - 13:00 às 17:30

Sáb.: 08:00 às 12:00

Veja nossos produtos

Confira modelos, tamanhos e materiais

x
Converse conosco!